quarta-feira, 26 de novembro de 2014

HIPERREALISMO X SURREALISMO expo em SP

Faz tempo que não compartilho com vocês notícias de arte
Sim, houveram diversas exposições de relevo em SP, o problema tem sido as filas!
Parece uma nova era: exposições incríveis no Brasil, Filas incríveis. Alguma coisa boa isso deve significar :)
Irresistível passar por aqui, e compartilhar duas exposições imperdíveis que estão acontecendo na nossa cidade (SP).
Um dia você curte o SURREALISMO e no outro o HIPERREALISMO
A primeira é SALVADOR DALI!!! se você não vai até a Europa para vê-lo, ele vem até nós. Oportunidade Rara! (fui durante semana e zero de fila)!
Artista Surrealista, um movimento modernista que acompanha a descoberta do inconsciente, um movimento análogo a Freud e tudo o que ele representa
Excelente exposição, no INSTITUTO TOMIE OHTAKE (até jan 2015)



A outra acabou de começar…e já tem fila. é ROM MUECK, um artista atual, vivo, HIPERREALISTA, premiado seja pela Bienal de Veneza, seja por imagens virais que certamente você já viu!!!Este artista é muito reconhecido, e faz mais de 5 anos que desejo vê-lo!
Ele tem se destacado no movimento HIPERREALISTA e influenciado muita gente, cria figuras expressivas e hiperreais, em tamanhos gigantes..ou pequenos. Recomendo demais levar as crianças!!!
Fica em cartaz até fev / 2015




quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Cinéticos - Julio Le Parc





Para quem gosta do efeito de  luzes, cores e espelhos, Julio Le Parc é cara!!!
A obra dele é impressionante, pela engenhosidade, movimento e efeitos
Quanto mais conheço o movimento da Arte Cinética, mais gosto

Mais uma vez temos um gênio em nossa cidade (SP e RJ), não percam!!!
Em SP ele está expondo na galeria Nara Roesler
av europa, 655 - sp
até dia 30 de nov de 2013


quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Livro sobre o Mundo da Arte Contemporânea






Excelente Livro sobre arte:


7 DIAS NO MUNDO DA ARTE / Sarah Thornton
Para quem quer entender um pouco como o mundo da arte funciona, este livro é uma leitura fluida, feita por uma jornalista, e apresenta uma visão crítica sobre os principais ATORES da arte Contemporânea.
Uma leitura rápida, leve, onde cada capítulo conta um pouco do cotidiano de um destes  “atores” da arte: ARTISTA, GALERIA, MUSEU, MIDIA, LEILÃO, ESCOLA, FEIRA.
Leitura imperdível!!!

William Kentridge em SP




Excelente exposição em SP!!!


Procuro ser muito seletivo nas minhas recomendações. Só recomendo o que achei incrível, o que considero imperdível!!!
Esta estou aguardando há meses:

WILLIAM KENTRIDGE na PINACOTECA de SP até dia 10/11/13
Importante artista Sul Africano, apresenta desenhos, animações, esculturas e efeitos 3d.
A exposição é de uma inventividade incrível, em especial as animações, o excesso, as experiências 3d e a quantidade de mídias que ele compartilha com a gente.
Espero que você não perca esta oportunidade J


Quando: 10/08/13 a 10/11/13
Onde: Pinacoteca de SP

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Dicas de Arte em SP, Abril / 2013



É impressionante como São Paulo e Brasil estão se tornando um centro mundial de arte
Tudo o que acontece de melhor no mundo da arte tem passado por aqui!!!!

Esta semana em especial muita coisa está acontecendo, gostaria de indicar algumas:


1. SPARTE 4 a 7/04 - A arte é representada por bienais e feiras. Esta é uma FEIRA de galerias de arte que acontece no Ibirapuera, prédio da Bienal. Em uma única tarde você vê o trabalho de 120 galerias, dentre elas algumas das principais do mundo. Imperdível para se ter uma visão ampla do mercado de arte: http://www.sp-arte.com/


2. Vick Muniz: Na galeria Nara Roesler (av europa). Ele é um dos principais artistas Brasileiros, e está surpreendente o novo trabalho que ele apresenta, não imaginei que ele iria se superar tão bem. Ele consegue fazer "pinturas" impressionistas com um requinte incrível de detalhes, utilizando apenas colagem de recortes de revistas. 


3. Casa de Vidro: Esta é a casa onde morou por 40 anos Lina Bo Bardi, uma importante artista e arquiteta Brasileira, que projetou o MASP. Lá está acontecendo uma exposição contemporânea. Um excelente motivo para conseguir visitar a casa, que fica no morumbi
Rua General Almério de Moura, 200

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Como FINALIZAR sua escultura

A Finalização da sua escultura é muito importante, representa  o acabamento, a durabilidade e até o valor da peça.

Existem diversas formas de finalizações, algumas feitas em casa, outras muito caras, algumas provisórias outras eternas.

Estamos falando de escultura feita em MODELAGEM,  geralmente feita em argila ou plastilina.

Segue abaixo a lista de alternativas:

-Argila queimada = é a cerâmica, tem boa resistência, certa nobreza no material, pode ter vários acabamentos de esmalte (pintura quente). O original deve ser produzido com MUITA técnica para não estourar na queima (eliminar todas as bolhas de ar e ocar a peça). o resultado será uma peça única:





-Argila Crua = é um acabamento de pouca resistência e não nobre, mas uma excelente opção para finalizar suas obras pela facilidade, baixo custo e baixa necessidade de conhecimento técnico, excelente para estudo. Basta esperar secar a peça de argila e pintar com spray e ou verniz. A tinta aumenta a resistência da peça e a impermeabiliza:




Cimento = Um excelente acabamento, nem muito nem pouco nobre. A vantagem é que você mesmo pode fazer a custos muito baixos, alternativa excepcional para peças muito grandes, onde outro acabamento custaria muito caro. Você produz o original em argila, tira uma forma em gesso (tecnica de forma perdida, tem um artigo neste blog). Enche esta forma de gesso com cimento (não esquecer de passar desmoldante, ex vaselina), quebra o gesso para retirar a obra. Faz o acabamento da obra com uma nata de cimento, ou outro material caso vá pintar. O acabamento pode ser o próprio cimento envernizado, ou uma pintura. Um exemplo de um artista que admiro que faz peças incríveis e enormes em cimento é o Adelardo da hora (foto abaixo):




- Gesso = Gesso é uma opção muito boa, porém é um material relativamente fraco. A vantagem do gesso é que ele aceita ser trabalhado também onde você consegue acrescentar ou tirar material, praticamente esculpir nele. É comum o escultor produzir uma peça em gesso para melhorar o acabamento, por ex. em peças geométricas e vasos. A técnica é como o cimento: molde perdido. Você cria o original em argila, tira um molde perdido em gesso, e enche de gesso, quebra o molde e tem uma peça de gesso.


As 2 opções a seguir, resina e bronze, precisam de molde em silicone, a vantagem deste molde é podermos reproduzir várias cópias da mesma peça

- Resina Polida = Você produz a peça em argila, tira a forma em silicone. Você pode fundir a resina, ou seja terá uma peça maciça de resina, e o melhor acabamento é o polimento (o polimento é uma técnica difícil e trabalhosa, recomendo terceirizar) desta resina, ou pintura (um exemplo deste acabamento pintado são as esculturas de loja de presentes hiper realistas):



- Resina Espatulada = A resina espatulada é uma técnica  igual como e feito  piscina ou prancha de surf. Você começa  pincelando resina (com uma carga como talco industrial, que deixa ela menos liquida, fica quase uma massa plástica), depois faz uma nova camada com  lã e vidro. Esta técnica é uma boa opção para peças muito grandes, ela fica leve e para ficar linda precisa de uma boa pintura automotiva depois, como na foto abaixo (nikki saint phalle), esta técnica dá para ser feita em casa (com algum conhecimento técnico):



- Bronze =  O bronze é o material mais nobre de todos, e custa mais caro para ser produzido e não dá para fazer em casa, deve ser terceirizado para uma fundição artistica. 




Já  a arte contemporânea procura materiais alternativos e até orgânicos, vale pesquisar antony gormley
ou kevin hunt:






Espero ter ajudado com as dicas!!!!
abraço
Fernando



segunda-feira, 30 de abril de 2012

Estilo - Escultura de Fita 2




...continuando o que comentei no texto anterior, seguem 2 exemplos de um excelente estilo na linguagem, mensagem da peça. Outro ponto que vale destacar é a coerência entre as obras deste artista. infelizmente não sei o nome do artista para compartilhar com vcs.

Estilo - escultura de fita

Tem várias formas de você encontrar seu estilo. Na escultura ou pintura, o mais tradicional é desenvolver um TRAÇO próprio (micro) e uma MENSAGEM (macro). Mas uma outra forma de estilo pode ser a TÉCNICA, que se torna ainda melhor se associada a uma excelente mensagem e que juntas ganhem uma linguagem que seja mantida em seu CONJUNTO DA OBRA!!!

TAPE SCULPTURE: A Foto acima é uma escultura feita de fita. Para fazer basta passar fita no objeto, que poder ser até uma pessoa. A primeira camada você passa ao contrário para não grudar no objeto, depois de rodear tudo, corta a fita para tirar do objeto original e depois passa mais uma camada para fechar o corte

sábado, 19 de novembro de 2011

Exposição UMBRA

Vou fazer uma exposição individual de escultura na Galeria André. Na verdade vai ser uma exposição de SOMBRAS!!!
Abaixo o Convite:

sábado, 15 de outubro de 2011

Curso de Escultura

A Sheila, aluna do curso de escultura fez um filme super bacana de uma das aulas. Vale a pena conferir...

Ela fez para o site dela, que também é demais: www.dubalacobaco.com.br


Olafur Eliasson

Pessoal

Mais uma oporutnidade única. Um grande artista expondo em São Paulo.
Esta foto é da uma exposição dele na TATEMODERN

Vale muito a pena, sua arte é sensorial, traz para a galeria sensações de tempo, como um dia de sol ou de chuva, como se não reparássemos mais estes momentos na natureza. Explora também cores, luzes,...


Ele está expondo em 3 lugares:
Sesc Pompeia - tem uma cachoeira dele, uma versão reduzida de uma cachoeira que fez em NY, mas em especial uma sala gigante de neblina, onde você não consegue ver nem seu pé, e tem uma experiência andando no escuro até encontrar uma direção pela luz.

Pinacoteca: Tem um espelho enorme no teto, que lembra um pouco a peça da foto com o público deitando para curtir a obra. Tem lá uma pirâmide invertida incrível, que reflete a luz do sol e gera um calor e uma luz muito intensos.

E no Sesc Belenzinho, mas nesta ainda não fui.

sábado, 9 de abril de 2011

Cubismo na Escultura - Pablo Picasso



Como seria este clássico do Picasso se fosse uma escultura?
Este filme é excelente para inspirar nós escultores em traços mais soltos, construir o conexo utilizando o desconexo!

domingo, 20 de março de 2011

Must See: Vik Muniz

Amigos

Admiro muito o trabalho de vik muniz, mas confesso que achei estranho este documentário ser indicado ao ÓSCAR.

Assisti o filme e só poso dizer PUTA QUE PARIU, É BOM PRA CARALHO!!!

desculpem as palavras mas o cara capta a essência da arte contemporânea, vai além e faz um trabalho estético, vai além e faz o que todos deveríamos fazer: tem contato com pessoas que são invisíveis para nós, uma ação social.


ÁRVORE





Segue minha última obra...

domingo, 27 de fevereiro de 2011

finalizar escultura em argila



Finalizar sua escultura feita em argila pode ser um dilema, pois são inúmeras opções e cada uma segue um processo de produção completamente diferente.

Argila Cru Pintada:
O processo desta foto é o mais simples de todos. Deixei a argila secar, pintei com spray esmalte dourado e envernizei. Quanto mais camadas de tinta e verniz mais forte ficará a peça.

Seguem outras alternativas e acabamento:
Queimar a argila (para a queima a peça precisa ser OCA e não pode ter nenhuma bolha de ar.
Bronze - mandar para uma fundição de bronze.
Gesso - processo de molde perdido
Resina - processo de molde de cilicone
Argila Cru Pintada (a da foto)


O acabamento sugerido aqui é o oposto do bronze, considerado ETERNO, é um excelente acabamento mas está longe de ser eterno. É uma excelente alternativa para permitir que você produza e finalize várias peças e assim possa EVOLUIR SEU TRABALHO e FICAR SATISFEITO COM O RESULTADO, dois fatores fundamentais te motivar a continuar.

(a foto acima é da Nanda, feita no nosso curso)

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Como se faz prato, xícara, louça e PRIVADA


Ou o título poderia ser: TÉCNICA DE ARGILA LÍQUIDA

O processo é o seguite:
1 - Produz-se o modelo em argila
2 - Tira o molde em gesso
3 - Enche o molde de gesso com uma solução de argila líquida (esta argila você compra em lojas de argila, ex: http://www.artebrasilmateriais.com.br)
4 - Depois de alguns minutos a argila reage com o gesso e decanta em toda área de contato, formando uma parede ainda mole, que será sua peça.
5 - Despeja deste molde a argila líquida, ficando só a argila sólida que se formou nas áreas de contato com o molde
6 - Queima-se esta peça, aplica o esmalte (esmalte é um pó que quando queimado define cor e porosidade da peça, no caso da louça a porosidade é mínima ou nenhuma)

Agora que você entendeu as etapas, vai entender bem o FILME DA PRIVADA:

domingo, 14 de novembro de 2010

OIL CLAY e a TOY ART



Este filme foi feito pelo meu fornecedor de OIL CLAY: www.dimclay.com

É um excelente exemplo de possibilidades de modelagem nesta massa que não seca.

Uma excelente fonte de pesquisa para conhecermos novas técnicas é pesquisarmos no google e youtube: TOY ART.

Então temos mais um mercado para os escultores, agora são 4 citados neste blog: Obras de Arte, Objetos de Arte (peças menores e múltiplos), Objetos de Design e Toy Art.

OIL CLAY ou Plastilina


Existem no mercado CLAYs profissionais feitos de uma mistura de parafina e argila ou outros minerais.

Estes podem ter a dureza de sua conveniência, mas geralmente são muito duros e para serem modelados ficam em uma estufa para amolecer.

Quanto mais duro mais detalhes ou mais delicadas podem ser as peças.

Este CLAY é muito utilizado para TOY ART e Protótipos de carro

Esta peça foi feita com um CLAY destes

Nos EUA, existem duas excelentes marcas: ROMA ou Chavant

No Brasil também estamos muito bem servidos. A Dim Clay está fazendo um trabalho excepcional. Aprendi muito conversando com o Eduardo. Ele tem o clay, várias ferramentas e técnicas: www.dimclay.com

OIL CLAY ou Plastilina



Quantas esculturas super delicadas, cheias de detalhes já vimos e ficamos pensando como é possível modelar braços ou dedos tão finos na argila?

O segredo é utilizar uma massa de modelar que não seca.

Todo o trabalho de escultura que faço hoje não seria possível com a argila, pois são peças muito delgadas que em argila certamente secariam e rachariam antes da peça pronta.

Esta peça por exemplo é feita com massa de modelar acrilex de criança, comprada na kalunga. Esta massa é muito barata e não seca. Seu único problema é ser muito mole.

Esta peça é um exemplo de escultura que não daria para ser feita em argila.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Como é o processo de Fundição em Bronze

Quem quiser entender um pouco como é o processo de fundição em bronze, veja o filme abaixo.
A fundição parte de um original, que provavelmente foi modelado por você em ARGILA.

Desta peça que você criou, tira-se o molde e com ele uma cópia da sua obra em cera (oca). Tira-se o molde desta peça de cera com um gesso especial, coloca este gesso no forno e a cera derrete e sai. ficando só o molde com um oco dentro que era onde estava a cera e é onde será preenchido de bronze. Assista o filme:


Atitude Criativa

No curso de escultura temos feito uma atividade que propicia a ATITUDE CRIATIVA.

Um trabalho coletivo que propicia a inibição do julgamento, desapego e foco na idéia central e não no detalhe.
Gostaria de agradecer a turma e ao GUTO, fotógrafo, que fez todo este trabalho !!!!

domingo, 23 de maio de 2010

Vitor Brecheret


Caros Escultores e apreciadores da Escultura
Está em cartaz em SP, no MUBE, até 25/07/2010 a Exposição de Vitor Brecheret, considerado um dos principais escultores brasileiros e o principal Escultor Modernista Brasileiro.

Reparem como seu estilo é único e bem definido, qualquer obra dele que você ver, facilmente reconhecerá como um Brecheret.
São 60 obras, além de desenhos e ferramentas.

terça-feira, 30 de março de 2010

Como Esculpir em Cimento ou concreto



(A peça acima é em cimento)
Geralmente você não esculpe em cimento ou concreto, e sim faz um processo que chamamos de MOLDE PERDIDO:

Você produz uma peça em argila e tira um molde de gesso (este molde é em algumas partes, pelo menos duas), é o que chamamos molde perdido (argila e gesso trabalham bem juntos), pois provavelmente você não se preocupará que tudo no molde tenha "saída", então conforme você tira o original (seu modelo) do molde, a argila vai quebrando. Eu gosto de fazer este molde antes da argila secar totalmente.
Depois você limpa o molde, fecha ele e enche de cimento (cimento e gesso também trabalham muito bem juntos). A mistura do cimento é mais forte que a utilizada em construção, podendo chegar em até 1 de cimento para 1 de areia. Recomendo utilizar o mínimo de agua possível e bater, vibrar a forma para o cimento acentar.
Depois de seco você quebra o gesso, por isso "molde perdido"
A peça de cimento ainda deverá ter um acabamento, sugiro uma nata de cimento = cimento + cola branca, e por último um verniz, existem vernizes especiais para cimento em lojas de construção.
O resultado final fica lindo, é uma excelente forma de finalizar uma escultura com custos muito baixos e inclusive é uma obra que pode ficar no tempo, como um jardim por exemplo.

domingo, 31 de janeiro de 2010

Criação


Quer conhecer um pouco da criação do meu trabalho?

Participei de um grande evento, um evento onde qualquer um que está de cabeça aberta adoraria ter participado, o TED SP.
É um dia de palestras de 15 minutos de grandes pessoas, com o sincero slogam: Inexperadas conexões, Extraordinários insights, Poderosas inspirações.
Não deixe de assistir algumas palestras na WEB do TED!!!

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Imperdível: Exposição em SP



Há 4 ou 5 anos fui em uma exposição dos Gêmeos na Gal Fortes Vilaça em SP e fiquei impressionado com a qualidade e o estilo destes artistas.
Desde então acompanho o trabalho deles e espero uma nova exposição em SP.
Finalmente...de 25 de out/09 a 13 de dez, no museu da FAAP.

Eles tem obras em dezenas de museus pelo mundo e ano passado fizeram uma exposição individual na TateModern.

São grafiteiros, que vão muito além, misturando ao grafite técnicas de instalação, escultura, sonorização e iluminação, tudo para criar um ambiente de sonho, ilusão.
Sem dúvida dois dos maiores artistas brasileiros.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Professores e Cursos de Escultura


Escultura Cicero D'Avila




Escultura Israel kislansky



Caros amigos escultores

Estudar é fundamental, precisamos de técnicas para nos desenvolver
Para que reinventar a roda?

Quero indicar 2 grandes professores de escultura:

Cícero d'avila
Estudou na Itália, muito conhecimento, com destaque em esculpir mármore.

Israel Kskansky
Também grande conhecedor em modelagem e técnicas de fundição, ministra workshops pelo Brasil.

Ambos focam no figurativo
Ambos em São Paulo

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

VOADOR




Certas conquistas tem um sabor especial;
Esta é uma delas;
Apresento-lhes o VOADOR;
Voar sempre foi seu sonho...


Obra de Fernando Cardoso

Aula de Expressões




Caros escultores, vamos estudar mais um pouco?
Assistir aos filmes Wallace & Gromit um deleite e uma aula. Recomendo inclusive a assistir os extras que mostram making of.
Uma aula de expressões e movimento. É incrível a quantidade de expressões diferentes dos personagens.
Aula de simplicidade. Tudo isso com poucos traços e movimentos. Por exemplo, todas as expressões do Gromit estão nos olhos.
Aula de identidade. Sem dúvida mais uma obra única.

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Máquina de Esculpir



Caros amigos escultores...o mundo mudou!
Imaginem Michelangelo vendo sua Pietá sendo esculpida por um robô.
É tudo muito simples...a arte está em criar algo INÉDITO.
O resto...a máquina faz.

Máquinas de Esculpir



Peguem sua pipoca e assistam um filminho de uma IMPRESSORA 3D

Com a revolução industrial os artistas tiveram que repensar seu trabalho. Agora as máquinas produziam e reproduziam peças belíssimas.
E daí?
Daí que estamos em mais uma revolução, agora tecnológica.
Existem inúmeras tecnologias de impressão 3D ou verdadeiros robôs escultores, capazes de produzir bustos perfeitos no material de sua preferência, inclusive mármore e madeira.

Estas máquinas estão aí para dizer o que já é sabido. O valor da arte está no único, na criação, na criatividade e não na reprodução perfeita. É apenas mais um passo que damos nos distanciando do clássico.

Máquina de esculpir





Aqui novamente PATRICK JOUIN, agora para conversarmos sobre tecnologia.
Reparem diversas obras dele, como estas fotos, verdadeiras esculturas e de uma técnica extremamente complexas.
Estas obras e muitas outras são produzidas no computador e "impressas" em 3D.
Acreditem!!!!

O design e a escultura




É certo que o design é a atual forma mais difundida da escultura.
Seja na linha do utilitário, da instalação, figurativo, abstrato, etc.
O mais interessante é sua atualidade no que diz respeito ao uso de tecnologias para sua produção e reprodução.
Que seja bem vinda esta grande arte!

Aqui PATRICK JOUIN.
Ele está em exposição no instituto tomie ohtake até 27/09/2009. Vale muito a pena!

Estudando Técnicas



Uma excelente fonte de pesquisa de escultura é no segmento de TOYS. Existem muitos esculturas de HEROS. Vale a pesquisa no youtube. O material mais utilizado são argilas sintéticas, derivadas da cera - WAX -, pois é um material que não seca como a argila e permite criar peças bem mais delicadas.
A estrutura interna é de arame enrolado.
Seja qual for seu projeto, este segmento da escultura tem muito a te ensinar.

Estrutura de uma escultura


Vocês pediram explicação de como fazer a estrutura da escultura.
Reparem neste vídeo.
A argila não tem sustentação para peças grandes ou muito delicadas, então é necessário uma estrutura de ferro dentro da peça para sustentá-la.
Eu utilizo arames ou ferros de construção de diversas espessuras. Sempre utilizando o mais fino possível, para que eu possa torcê-lo durante a produção da peça.
Eu soldo o arame com a solda oxi-acetileno que é bem delicada.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Objetos de Arte X Obras de Arte



É muito importante o escultor definir claramente o caminho que está seguindo, se o de Objetos de Arte ou de Obras de arte.
Ter claro este caminho, certamente vai ajudá-lo a definir sua identidade, a direção de seu desenvolvimento e conseqüentemente sua carreira.
Objetos de arte são peças menores, de menor valor, maior tiragem e encontradas em lojas.
Obras de arte costumam ter maior porte, expressão e encontradas nas galerias de arte.
Ambos caminhos são fascinantes, ambos tem seu valor artístico.
As fotos ao lado ilustram o estado da arte do Design. A primeira doPhilip Starke e segunda do Karim Rashid .

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Processo de Criação de uma escultura


Reparem esta escultura em 3 diferentes momentos de sua criação.

A obra já é iniciada com uma idéia, neste caso a idéia era o movimento das pernas tendo o movimento da bunda como o objeto central.
Reparem que desde os primeiros momentos do trabalho, o movimento da peça já estava definido.

A questão é: demorem muito neste momento. Evitem ao máximo entrar em detalhes, alisar ou evoluir uma parte.

O momento inicial é que definirá as proporções, o movimento, a linha da peça e é 80% do caminho. O perigo é passá-lo muito rápido. Depois, no momento dos detalhes, você terá incrível dificuldade de ousar, experimentar, inverter algo, cortar, modificar, estará apegado a peça. O resultado será uma obra “dura”.

sábado, 23 de maio de 2009

Os Gêmeos



Quer arte mais feliz aquela que agrada adultos e crianças.
Os Gêmeos vêm da leva de pichadores. Para mim, os melhores deles.
Mundialmente reconhecidos, já expuseram nos principais museus e galerias do mundo.
Sua arte representa o sonho. Leve, lúdica, fantasiosa.
Se a arte contemporânea é a representação da vida, desconectada do público. Onde enquadrar a arte dos Gêmeos, então?
Eles têm uma característica que considero fundamental para o sucesso: Abundância. Parece que transbordam arte.

A Arte e o Brasil


Beatriz Milhazes
Esta é uma artista Brasileira que deve ser acompanhada. É a artista Brasileira, viva, com obras de maior valor de mercado. A obra ao lado, O mágico, foi vendida em 2008 por 1 milhão de dólares.
Um trabalho com personalidade e estética.
Curioso é que acabei de fazer uma pesquisa na WEB sobre Beatriz Milhazes e encontrei pouca referência e críticas.
Quando o Brasil vai ter orgulho de sua obra?

Modernismo



Esta obra de Pablo Picasso , Les Demoiselles d´Avignon de 1907, também um estilo único, gerou polêmica e discórdia entre críticos e especialistas de arte. E como resultado, lançou Picasso a frente do movimento Modernista.
É comum acharmos que a obra de um artista é resultado de uma loucura, uma repentina inspiração, e como mágica, a obra está criada. Não. Os artistas passam longos processos de desenvolvimento e estudo. Para encontrar o estilo e traços desta obra, Picasso criou centenas de esboços. E certamente suas próximas obras serão uma evolução desta.

A arte do Único



Qual a relação destas 2 obras?
A única relação é que foram criadas na mesma época, 1905. “A carta” de James Beckwith(ao lado) representando o passado e “The joy of life” de Henry Matisse representando o futuro.
Imagine uma obra como esta de Matisse aparecendo em uma exposição dentre centenas de obras como a de Beckwith.
Quando Matisse expôs esta obra, as críticas foram: “um pote de tinta foi jogado na cara do público” e “Donatello entre as bestas selvagens” (Donatello era uma escultura tipo renascentista que decorava o salão). Esta exposição ficou conhecida como “Bestas Selvagens” (Fauvism).
Esta é a reação dos especialistas ao novo. Esta obra de Matisse é um marco ao início do Modernismo

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Considerações sobre a Arte Contemporânea



Citação do livro: Quem tem medo da Arte Contemporânea?
“Habituamo-nos a pensar que a arte é uma coisa muito diferente da vida...desta forma uma idéia de uma arte que se confunda com a vida é difícil de assimilar porque nosso repertório ainda é informado por muitos traços conservadores” Fernando Cocchiarale

“Ao sair de algumas exposições em museus, galerias e bienais, muitas pessoas experimentam certo amargor relacionado à sensação de que não são cultas. A razão desse sentimento reside no fato de que muito daquilo que observaram não possui conexão com aquilo que, durante anos, foram ensinadas a entender como arte.......Está aí a razão para que muitos deixem de freqüentar exposições de arte contemporânea.
Essa situação é lastimosa porque muito da produção recente possui conexões com questões atuais que afligem a todos, de uma forma ou de outra. Aqui, portanto, a pergunta: por que esse divórcio entre a produção atual e o grande público?” Tadeu Chiarelli
Fonte revista Itaú Cultural
Imagens: Esculturas de Duchamp. Percursor da arte contemporânea. Estas obras seguem o conceito "readymade", que são obras de arte criadas a partir de objetos prontos.

O que eu acho?
Difícil definir uma arte que nem sempre entendo.
Será que a arte contemporânea já é passado?
E se o é, o que veio em seu lugar?
E se não for, será que teremos que esperar que se torne passado para entender sua representatividade?
Acho sim que o Brasil deveria encontrar a sua personalidade na arte. Estamos muito igual à “arte contemporânea” de todo o mundo.
Um artista nunca será “o” artista se estiver influenciado demais!

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Como Esculpir Mãos

Nada mais inteligente que a simplicidade
Já fiz inúmeras esculturas de mãos e nunca havia imaginado que havia um caminho tão simples.
O maior desafio em retratar a figura humana está nas proporções e no movimento. A técnica deste vídeo ajuda muito a resolver estes dois desafios.
Esta série, do professor Jorge Benlloch, tem 4 ou 5 vídeos. Escolhi para vocês 2.
IMPORTANTE: O primeiro não está aqui mas é importante eu descrever seu conteúdo: Ele faz uma placa de argila, põe a mão em cima marca e corta o contorno de sua mão.Vale muito à pena!!!

Vídeo Como Esculpir Mãos 1

Vídeo Como Esculpir Mãos 2